Ciclista de Ribeirão Preto conquista segunda colocação na Volta do Uruguai

A Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto (São Francisco Saúde/Klabin/Secretaria de Esportes) encerrou sua participação na 76º Edição da Volta Ciclística do Uruguai com excelentes resultados. No individual, Cristian Egídio, faturou a segunda colocação geral e no geral por equipes, o time ribeirãopretano foi o quinto colocado.

Com grandes nomes e equipes do ciclismo sul-americano na disputa, a estratégia da equipe ribeirão-pretana foi diferente de outros anos. Segundo Egídio, o que possibilitou sua chegada entre os primeiros foi, sem dúvidas, o trabalho em equipe.

“O resultado aqui na Volta do Uruguai foi um trabalho em equipe excepcional que nós fizemos durante as etapas. Mas, gostaria de ressaltar que para obter esse bom resultado, ter participado das provas na Argentina e Chile nos deu uma base boa para chegar bem aqui. Aqui na volta do Uruguai tivemos na sexta etapa uma prova de contrarrelógio, que foi a etapa rainha da volta. Eu consegui me poupar durante as primeiras cinco etapas com o apoio e ajuda de toda a equipe e consegui um excelente resultado lá. A partir daí, administramos a segunda colocação e tentamos buscar o primeiro lugar, mas a equipe colombiana é muito forte, mas estou muito feliz, nosso resultado foi excelente”, disse.

O técnico da equipe de Ribeirão Preto, Marcelo Donnabella, também valorizou o trabalho em equipe e explicou a mudança de estratégia adotada pela equipe.

“Foram 10 dias de provas, aqui no Uruguai é sempre muito difícil, as condições climáticas as vezes agem a favor, outras vezes não. Nossa equipe estava bem preparada, tivemos um acidente e perdemos um atleta, posteriormente perdemos mais um e ficamos com apenas quatro atletas na disputa. Dali pra frente nos protegemos o Cristian, viemos conscientes de que ele precisava brigar na geral, porque ele tinha condição de ganhar. Todo ano nós normalmente brigávamos por etapas, mas esse ano nós pensamos diferente, o Cristian conseguiu se guardar e no contrarrelógio fez segundo lugar, perdendo apenas para o atual campeão pan-americano. Nós ganhamos de muita gente importante. Usamos a cabeça, mantivemos a calma e o resultado acabou aparecendo”, afirmou.

Como faz parte do ciclo olímpico Tóquio 2020, a prova contou pontos para o ranking mundial. Egídio também terá oportunidade de somar pontos para o ranking mundial no Pan-americano de Ciclismo, que acontece no mês de maio, no México. O atleta está convocado para a Seleção Brasileira.

Classificação Geral Individual
1º Walter Vargas – Team Medellin
2º Cristian Egídio – São Francisco Saúde
3º Germán Tivani – Virgen de Fátima
4º Nicolás Naranjo – Virgen de Fátima
5ª André Gohr – Funvic

Classificação Geral por Equipes
1º Team Medellín
2º Virgen de Fátima
3º San Antonio de Flórida
4º Cerro Largo
5° São Francisco Saúde

A Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto tem como patrocinadores a São Francisco Saúde, Klabin, SOUL Cycles e Usina Batatais, copatrocinadores a RP Capital, Passaredo e AOO Energia e o apoio da Líber Capital, Ourofino Agrociência, Ourofino Saúde Animal, Passalacqua, Molyplast, LOL Sports Bar, Session Brasil, Ideali Hotel, ERT Uniformes, Botafogo Futebol Clube e Prefeitura de Ribeirão Preto. Apoio institucional Lei de Incentivo ao Esporte e Ministério da Cidadania/Secretaria Especial do Esporte.