Categoria Elite

 

Com a Associação Terra de Ciclismo, a Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto deu um salto. Até 2010, o melhor resultado obtido pelo time da cidade no ranking nacional da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) havia sido uma sexta colocação.

De figurante, a equipe passou a se colocar entre as principais do país. Em 2012, pela primeira vez na história, conquistou o título do ranking nacional. No ano seguinte, em 2013, veio o bicampeonato.

Já em 2014, Ribeirão Preto ficou com o vice-campeonato, porém, teve o ciclista Antoelson Dornelles como o melhor do Brasil naquele ano. E em 2015, a equipe foi a terceira colocada.

Desde o início do projeto da ATC, a Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto cedeu diversos atletas para a Seleção Brasileira. Da formação atual, Rodrigo Nascimento, Maurício Knapp, Luis Fernando Trevisan, Cristian Egídio e Alan Maniezzo já fizeram parte do time brasileiro em diversas convocações.

Em 2016, o time da cidade ganhou o reforço da primeira paratleta da história. Mariana Garcia, que é nascida em Ribeirão Preto, representa a equipe no paraciclismo. No mesmo ano, sagrou-se vice-campeã do ranking nacional de sua categoria.

A temporada 2017 foi perfeita. A equipe faturou o tricampeonato no ranking nacional de estrada e no individual, Rodrigo Nascimento foi o campeão e Cristian Egídio o 3º colocado.